Maiores erros da humanidade

Todas as paixões nos levam a cometer erros, mas o amor faz-nos cometer os mais ridículosFrançois La Rochefoucauld

Não é possível enumerar os erros humanos dos últimos 6 mil anos, porém podemos notar algum padrão nesses acontecimentos:

1- Nada é novo – o primeiro erro do homem é no momento em que defini que algo é novo, procure na história e encontrará semelhanças e analogias muitos estranhas. Desconfie sempre dessas palavras: coincidência e acidente.

2- Alguém conhece o que você sabe: definir que aquilo que você possui na mente seja de conhecimento das outras pessoas normalmente levam a se cometer muitos erros de julgamento. primeiro verifique se estão todos na mesma sintonia.

3- Meu erro merece perdão: os egoístas sempre pensam assim, mas no momento de julgar os outros mudam de opinião e propõem algum castigo. Quem o faz a outro, o receberá de volta. Basta lembrar a oração do “Pater Noster”, (Pai nosso) que diz, “perdoe nos assim como nós perdoamos”.

4- Não preciso de limites: muitos gostam do esterótipo do clichê de rebelde, podem ser em livros, filmes ou em qualquer história. Mas se esquecem que a vida não é assim, moramos dentro de uma sociedade humana e isto, por si só, impõe muitos limites.

5- Desprezar o conhecimento humano: por melhores que sejam os métodos, os equipamentos e a tecnologia usada, não se deve desprezar as nossas origens. Por isso, em diversas civilizações, o papel do idoso é o de guardião do conhecimento, ou seja, uma pessoa que sabe o que precisa e está numa idade em que não é mais “escravo de suas paixões.”

Eu não me envergonho de corrigir os meus erros e mudar de opinião, porque não me envergonho de raciocinar e aprenderAlexandre Herculano

Anúncios

Os novos pecados!!!

A sociedade evolui, como tudo que a acompanha

No tempo de Moises, as necessidades eram práticas, pessoas morando em um deserto, local hóstil e sem acesso fácil a suprimentos. Bens como água e comida são escassos e a vida em conjunto era causa de grande stress. Para se evitar uma dispersão foi se criado leis para um convívio pacífico, por isso as leis mosaicas serviram bem. A tabua com as dez leis ditas por Deus a Moises são na verdade, a primeira relação de delitos da história.

Na idade média, com as sociedades mais bem estruturadas e todo o sistema de classes sociais formado, as necessidades se aprimoraram e um doutor da igreja formulou os novos pecados. Ficou se na história como sendo os pecados mais extravagantes, os Sete Pecados Capitais de São Tomás de Aquino são notórios por sua convergência com a riqueza e a “boa vida”.

No mundo atual, a globalização e as redes de computadores dão um cenário diferente, o engajamento e o “mundo virtual” criam novas possibilidades de convívio, como também criam novas “faltas” possíveis de se cometer:

1- Não desperdiçaras alimentos, existem crianças na África e em várias partes do mundo morrendo de fome, por causa de guerras e conflitos.

2- Não compartilharas falso testemunho, antes de divulgar por sua rede social, qualquer informação, investigue a veracidade da mesma.

3- Não roubarás a senha de outro, apesar de ser amigo, parente ou seu par romântico, a senha é um bem incompartilhável.

4- Não utilizares gás CFC ou qualquer outro que prejudique a camada de ozónio.

5- Não descartarás o lixo indiscriminadamente e realizarás quando possível, a reciclágem dos materiais.

6- Não fomentarás pirâmides pela internet, ou qualquer outro tipo de campanha que cause SPAM.

7- Não utilizarás nenhum produto tóxico ao seu organismo, como drogas, cigarros e produtos farmacêuticos que não sejam prescritos pela autoridade médica.

8- Não dirigirás, se beber e nem realizará nenhuma tarefa que ponha em risco a sua saúde ou a de outros.

9- Não realizarás atos terroristas, seja no mundo real, ferindo e matando pessoas, seja no mundo virtual, derrubando sites ou prejudicando os internautas.

10- Não se vitimarás para obter benefícios ilícitos ou apenas para causar pena e constrangimento em outras pessoas.

Este texto é meramente sugestivo, a Santa Madre Igreja é quem possui a prerogativa de alterar qualquer doutrina, segundo  Mateus 16:19 e 18:18: “E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.” Nesse versículo, Jesus está falando diretamente ao Apóstolo Pedro e indiretamente aos outros Apóstolos. As palavras de Jesus significam que Pedro teria o direito de entrar no reino e teria autoridade geral aqui simbolizada pela posse de chaves.Isso quer dizer que o céu aceitará e aprovará aquilo que ele e os seus sucessores ligam ou desligam aqui na terra.

  • Calendário

    dezembro 2017
    S T Q Q S S D
    « nov    
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031
  • Ich bin