Como restaurar a confiança e o compromisso


Uma revolução gerencial

Num cenário de globalização e concorrência acirrada, as empresa necessitam que seus colaboradores deem muito mais do que aquilo que lhes é pedido no contrato de trabalho. Um comprometimento gradativo e crescente com o papel da empresa na sociedade. Algo que vai além da produção, um esforço sensível, mas também intangível.

Mas o que ocorre nas empresas é totalmente o contrário. Da mesma forma que as pessoas aceitam seu papel na sociedade, como família ou como amizade, a pessoa escolhe seu trabalho. Ou na maioria das vezes, é escolhido por ele, mais precisamente pelo R.H. o que causa, grande frustração e pouca motivação.

O ambiente de trabalho se tornou repulsivo e as empresas pouco fazem para mudar isso. Ou seja, se o colaborador aceita as condições que lhe forem ofertadas. Tudo bem! Mas se tiver ressalvas, terá de acostumar com a rotina ou cair fora.

A coerção como ferramenta de controle

Cada vez mais, o trabalho é medido, controlado e fiscalizado. A razão dada para isso é tangibilidade, tornar os processos passíveis de se aferir para os gestores poderem preencher relatórios, formulários e gráficos. Ou seja, agregarem aos processos os Indicadores de Desempenho (como se diz na nova linguagem gerencial).

Mas esses indicadores não mostram que estão supérfluos, e seus resultados são redundantes e ineficazes. Pois sem o engajamento do empregado, de nada servem. No final das contas é o empregado que decide o como e o quanto fará de seu serviço.

O empregado começa a controlar a situação, apesar do gestor tentar lhe indicar este ou aquele caminho. Na medida em as tarefas são realizadas, cada vez mais, o empregado fica sem incentivo e frustado e o gerente lhe poda qualquer iniciativa ou inovação. Para combater os parâmetros, os colaboradores se colocam em situação de “burocratas” e realizam as tarefas por patamares cada vez mais baixos. Dando aos seus chefes sinais de insatisfação que por via de regra, não são entendidos.

A resposta para isso seria uma volta a simplicidade e ao compromisso. Os funcionários trabalham com desconfiança e para terem prazer naquilo que fazem precisam ter uma nova visão de seu trabalho dentro e fora da empresa. Os gerentes por sua vez, precisam de uma macro visão e repensarem seus objetivos. A missão da empresa tem de estar ligada a cada tarefa de forma a dar lhe uma importância nova e se tornarem peças chaves em uma grande cadeia de processos e trabalho.

“Mas, o planejamento só é ético quando visa um crescimento que possa se traduzir em melhor qualidade da vida coletiva, um cenário melhor para a vida de todos, e só é democrático quando procura incorporar todos os
envolvidos no processo de planejar.” João Caramez

Fonte: Le Monde, François Dupuy

8 Comentários

  1. I just want to mention I am newbie to blogs and certainly liked this web page. Almost certainly I’m planning to bookmark your website . You surely come with incredible stories. Cheers for sharing with us your webpage.

  2. I just want to say I’m all new to weblog and honestly loved your website. Most likely I’m likely to bookmark your website . You certainly come with superb article content. Thank you for revealing your blog site.

  3. I just want to tell you that I’m new to weblog and truly savored your web site. Very likely I’m planning to bookmark your blog . You definitely come with beneficial article content. Thanks a lot for sharing your web-site.

  4. Exceptional post but I was wondering if you could write a litte more on this topic? I’d be very grateful if you could elaborate a little bit more. Many thanks!

  5. The look for the website is a bit off in Epiphany. Even So I like your weblog. I might have to install a normal web browser just to enjoy it.

  6. Well I think you’re correct about this, but I’m not sure I see the point in the article. What was your intent for the audience? Who was this written for?

  7. Excellent read, I just passed this onto a friend who was doing some research on that. And he actually bought me lunch as I found it for him smile Therefore let me rephrase that: Thanks for lunch! “High living and high thinking are poles apart.” by B. J. Gupta.

  8. I’m not positive the location you’re having your information, but excellent subject. I have to devote a though acquiring out considerably extra or figuring out a lot more. Thank you for magnificent information I was in search of this information for my mission.


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s