Google boicota Jornais Franceses

Ameaça remover referências a Jornais Franceses

Em comunicado, a empresa americana, Google, avisa ao governo francês que irá retirar as referências em sua página de pesquisa em francês, caso seja aprovado a regulamentação de uma taxa de propriedade autoral, que seria paga aos editores dos jornais. Esta medida foi pedida pela agência francesa de Imprensa (SPQN) e apoiada pelo ministro da Cultura da França, Aurélie Fillipetti, seria uma forma de Impostos sobre  Serviços.

A empresa respondeu em carta a cada ministério, que tal imposto poria em cheque a viabilidade de serviços prestados atualmente pela empresa e que ela se guardaria no direito de abandonar as referência em francês.

Caso semelhante ocorreu na Bélgica, quando em julho de 2011, a Google deixou de fazer referências as notícias belgas durante três dias. Pois fora reivindicada  a pagar royaltes, após a inauguração de seu pacotes de serviços, chamado  de Google News. Em outros países se cogita o mesmo, como na Alemanha, que tramita no Bundestag, uma lei de cobrança de direitos autorais caso seja usado como fonte de notícias, jornais alemães.

Fonte: Le Monde

Guia: Como votar

Como votar e não endoidar

Os americanos tem algumas receitas para escolher candidatos, formulas simples que servem para medir o grau de simpatia e carisma do candidato, funciona como um questionário, se você responder sim a maioria das questões, vote nele, será por sua conta e risco!

AVISO: Antes de começar, mentalize o nome do seu candidato. Isso mesmo, se falar alto, alguém pode pensar que você está endoidando:

  1. Você convidaria seu candidato para tomar um cafezinho?
  2. Você sairia para jogar cartas com seu candidato?
  3. Você aceitaria se tornar vizinho do seu candidato?
  4. Você deixaria seu candidato casar com a(o) sua(seu) filha(o)?
  5. Você se casaria com a(o) filha(o) do seu candidato?
  6. Você aceitaria se tornar sócio do seu candidato?
  7. Você comeria em uma cantina italiana junto do seu candidato, sem medo de “paparazzis”?
  8. Você comungaria na mesma igreja do seu candidato?

O teste não dá garantia nenhuma, mas ajuda a aumentar o seu grau de confiança! Boa sorte!